O que é roséola infantil?

Meus meninos Marcelo e Matheus (prostradinho, na foto) estavam com febre há 4 dias quando apareceram pintinhas avermelhadas pelo corpo, especialmente no peito e barriga. Ao invés de me apavorar, aquilo me deu foi um alívio! Assim eu soube, afinal, o que tinham: roséola infantil (exantema súbito).

Aos 1 ano e 8 meses, Mônica fez um quadro febril por três dias até finalmente saírem as tais pintinhas. A pediatra me orientou dizendo ser bem comum na idade que ela estava ter esse quadro viral. Costuma acometer crianças entre seis meses e três anos de idade.

roséola infantil

Reprodução da internet

Mas o que é a roséola infantil?

É uma infecção viral que costuma causar febre e erupções cutâneas (marchas ou pintinhas avermelhadas na pele), especialmente na barriga e peito. Costuma ser difícil de diagnosticar no início por ter sintomas parecidos com resfriados ou otites (infecções de ouvido). A febre dura de 3 a 5 dias até as pintinhas aparecerem e confirmarem o diagnóstico. Outros sintomas, não tão recorrentes, que podem aparecer: dor de garganta, ínguas ao redor do pescoço, corrimento nasal, pálpebras inchadas, irritabilidade, e até diarreia. Meus meninos apresentaram febre entre 37,8 a 38,5 °C cerca de 3 vezes por dia por cinco dias até aparecerem as manchas. Matheus tem dor de garganta, tosse e falta de apetite. Marcelo apresentou três episódios de diarreia. E o Murilo, coitadinho, começou com a febre ontem (terça-feira). Achei que ele ia passar livre dessa vez.

Qual o tratamento da roséola infantil?

A doença não é grave e deve desaparecer em poucos dias, mas é importante estar em contato com o pediatra. A febre deve ser controlada com antitérmicos (por aqui usamos Alivium, que é ibuprofeno, e Tylenol bebê, que é paracetamol). Por tratar-se de um vírus, é contagioso por saliva (fala, beijos, tosse) até mesmo antes das pintinhas surgirem. A solução é esperar o ciclo passar. A criança deve ao menos tentar ficar em repouso e tomar bastante líquido.Se a febre não passar em sete dias, o quadro pode estar se agravando. Por isso é importante o contato com o médico.

Leia sobre Coxsackie vírus ou síndrome mão-pé-boca

Até mais!

3 comentários

  1. Eduarda

    Oi Michele, há 1 mês atrás tbm tive essa má experiência com a roséola com meu filho Enzo de 1a7m, mas até então nunca tinha ouvido falar e fiquei assustada, o bom é que passa rápido e só a secreção do nariz que demorou mais a passar. Parabéns, seus filhos são lindos!! me identifico com os posts e vejo que eles estão em fases compatíveis com o meu Enzo e começando a dizer as primeiras palavras, é uma delicia!! Estou aguardando seu post com os detalhes da consulta com pediatra dos meninos com peso e tamanho, e tbm gostaria de saber como anda a dentição deles? vc consegue ter uma rotina de escovação? pq em casa tem sido mto difícil, demanda tempo e paciência.. Beijos!!

    1. Michele Kaiser

      Oi, Eduarda! A consulta de rotina ia ser no fim do mês, mas como antecipamos devido à febre, a doutora acabou pesando eles rapidinho, nem tenho foto, não sei a altura. A escovação aqui também é um problema. E olha que meu marido é dentista! Procura ali na lupa sobre como escovar os dentes. Eu escrevi um post com entrevista de uma odontopediatra. Bjs. E obrigada pelo carinho!

Deixe seu comentário