Os trigêmeos da Monique

Depois de ter passado toda a gestação trigemelar pensando que esperava dois meninos e uma menina – aos quais deu os nomes Pedro, Lucas e Julia -, a carioca Monique Fena de Paula, 31 anos, teve uma grande surpresa na hora do parto: nasceram três meninos! Os médicos haviam desconfiado que eram três meninos na primeira ultrassonografia, mas na segunda confirmaram que se tratava de dois meninos e uma menina.

Confira a história completa já contada por aqui no post: “Esperávamos 2 meninos e 1 menina mas nasceram 3 meninos”

Monique trigêmeos (13)

Monique e o marido, Paulo Augusto, organizaram o quartinho e o enxoval pensando estarem esperando meninos e meninas. Ela até escreveu um post aqui no blog chamado organizando o quartinho do bebê, onde mostra as roupinhas e caminha da Julia, que virou Miguel na hora do parto.

Passado o susto no nascimento, o casal teve que trocar diversas peças, de roupas a acessórios. “Enfeite da porta da maternidade, lembrancinha do nascimento, capa de carrinho, enxoval, sapatos… deu muito trabalho mudar tudo”, conta Monique. “Consegui trocar o kit berço, lençóis, capa de carrinho e mobile nas lojas e o resto eu vendi em grupos de mães online. Com o dinheiro da venda compramos roupas, sapatos, toalhas, paninho de boca, etc”.

Monique trigêmeos (7)

A lembrancinha de maternidade não foi refeita.

Monique trigêmeos (12)

Monique trigêmeos (14)

Nascidos em 6 de abril de 2016, hoje os meninos estão com 4 meses. Pedro e Miguel pesam 6,400kg. Lucas precisou ficar 86 dias na UTI neonatal e já está em casa, pesando 5kg. Ele teve enterocolite, que é uma doença pela qual a superfície interna do intestino sofre lesões e se inflama. “Foi uma fase muito difícil. Ele passou por duas cirurgias e nós por muitas incertezas, mas graças a Deus deu tudo certo. Hoje ele toma um leite especial, sem lactose”, conta Monique.

Monique trigêmeos (5)

Pedro, Lucas e Miguel.

Perguntei para Monique qual foi o sentimento de perceber, na hora do parto, que não tinha dois meninos e uma menina, mas três meninos. “De verdade, a sensação de ter perdido uma filha durou uns dois dias. Depois o Miguel preencheu esse vazio e me encheu de amor com seu rostinho angelical. Hoje não tenho nenhum tipo de sentimento ruim. Só muito amor”, derrete-se a mamãe.

Você também tem trigêmeos? Me escreve para contato@ostrigemeosdamichele.com.br!

Até mais!

2 comentários

  1. Ludmila - Vila Velha/ES

    Parabéns! Eles são lindooooss! Fico imaginando como cada um é nomeado.. a ordem dos nomes… dúvida boba neh!? Kkkkkkk

Deixe seu comentário